[Resenha] O Código de Hammurabi

Titulo: O Código de Hammurabi


Autor: Hammurabi

Tradução: Leonard William King

★★★★★

Editora: Madras

Paginas: 80





 Olá pessoal, sim, andei sumido né ? Mas voltei, com uma leitura super interessante por si só, cheia de curiosidades e que podem nos ajudar a entender inúmeras coisas até mesmo atuais... Então me acompanhem nesta leitura :)

O Autor:

 Hammurabi, que foi o sexto rei da Babilônia, e responsável por decretar o código, responsável pela criação do primeiro Império Babilônico, tendo esse feito realizado com a unificação da região. 
http://3.bp.blogspot.com/-fGEbEQEuUzw/Tkk0357wWTI/AAAAAAAABGs/9ybq_dX-2xY/s1600/hamurabi7.jpg

O "Livro":

 O código de Hammurabi, como é conhecido atualmente foi escrito, por volta de 1780 a.C. e, como diz o próprio nome, escrito por Hammurabi.
 Mas o que é afinal? É um código, composto por 282 leis, escritos na Babilônia,  e que foi encontrado não faz tanto tempo, apenas em 1901 (não faz tanto tempo perto da idade do código).
https://www.estudopratico.com.br/wp-content/uploads/2014/06/codigo-de-hamurabi.jpg

Resenha:

Então vamos ao que realmente interessa?

 Afinal, o que se tem de importante neste livro, é o simples fato, que é como se diz hoje, a primeira “constituição” conhecida, já feita até hoje, a quase 4000 anos atrás, no Primeiro Império Babilônico. Ai esta sua importância histórica até hoje, ela foi o primeiro conjunto de leis que foi escrito e que conhecemos hoje.

 Sua leitura, para se ler com indiferença, é possível realiza-la com facilidade em pouco tempo, afinal, são apenas 80 páginas no livro, mas não recomendo desta forma, para quem tiver interesse realmente recomendo uma leitura mais séria, e que levara muito mais tempo, sendo composta por 282 leis.

 Mas é sobre as leis? Isso me surpreende, por uma razão, mesmo como já disse antes, foi escrita em pedra a quase 4000 anos, e tem muitas coisas, que são consideradas em certos aspectos bem atuais, mas de certa forma, não se pode negar que olhando na nossa visão atual, são bem brutais, porém, se imaginando no período, se pode imaginar o nível que esse conjunto de leis, ajudou no grande desenvolvimento da Babilônia, garantindo direitos a seu povo.

 Baseado no conhecido "Talião" (presente na Bíblia também) conhecido popularmente pelo “Olho por Olho, Dente por Dente”, sendo composto por diversos aspectos diferentes, desde o código penal, civis, e até mesmo direitos e deveres em relações ao trabalho e em negociações (lembrando que a sociedade era dividida em áreas totalmente diferentes), e como se fala da Babilônia, que ficava entre os rios Tigre e Eufrates, e a vital importância do uso da agua já vemos leis em relação a ela, e seu mal uso, caso chegue a danificar plantações vizinhas, e até mesmo uma curiosidade (ao menos achei super curioso) em certas ocasiões uma pessoa acusada de algo, era jogada no rio, e caso sobrevivesse mostrava inocência dela, (leva a entender que a natação não era algo conhecido pelos babilônicos rsrs).

 No geral, é um conjunto de leis, que nos ajudam a entender muito sobre a civilização babilônica e seus códigos éticos e morais, e percebemos como a religião também influenciava na sociedade e em suas respectivas classes, mesmo que brutais em alguns aspectos em nossos olhos atuais, se deve compreender como essas leis garantiram liberdades e direito em um período de formação e de desenvolvimento da civilização babilônica. 

Onde encontrar ?

 Este livro é facilmente encontrado no Skoob, mas vou deixar o link direto para a pagina dele, para facilitar ainda mais rsrs https://www.skoob.com.br/livro/129305ED143447












Ahhhhhh e uma pequena novidade, para facilitar a vocês quem escreveu a resenha, agora passaremos a usar essa assinatura (ou carimbo) no final de cada resenha, com o nome de que a fez, assim sera mais fácil para saber quem escreveu a resenha :D xD 


0 comentários:

Postar um comentário